Moraes-san e o culto do chá

Wenceslau de Moraes nasceu em Lisboa em 1854. Em 1873 completou o curso da Escola Naval, tornando-se marinheiro. Wenceslau viajou por todo o mundo nos navios da Marinha Portuguesa.

Em 1897 chegou no Japão, apaixonando-se desde logo pela cultura nipónica, pelas suas terras e pelas suas gentes. Passou a vestir-se como um japonês e a aprender as particularidades da língua, da tradição e da alma do povo japonês, visitando os santuários xintoístas, os templos budistas, as montanhas, e as festas Matsuri.

Esta peça mostra as maravilhosas descrições da natureza dos campos do chá, as flores e as mulheres trabalhando na colheita, a partir da perspetiva de um português que viveu no Japão há mais de que cem anos. Wenceslau de Moraes deu a conhecer aos portugueses o Japão através das muitas obras sobre a cultura e vida nipónica que escreveu, nomeadamente o Culto do Chá de 1905, uma das mais belas obras sobre o Japão.

Outros Espetáculos

Start typing and press Enter to search